X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
Minha Matricula
Você adicionou , o que deseja fazer agora?
Voltar! Fechar Compra!

12 dicas para gerenciar suas finanças corporativas

12 dicas para gerenciar suas finanças corporativas

No mundo competitivo dos nergócios, você precisa lidar com um fluxo interminável de tarefas administrativas que exigem muita atenção, e Gerenciar as Finanças é uma delas.
 

Separamos aqui #12 DICAS para Gerenciar suas Finanças Corporativas

 

# Dica nº1 - Fique por dentro do gerenciamento de dinheiro do dia a dia

Gerencie adequadamente sua contabilidade. Você pode contratar um bom contador ou comprar software de contabilidade. É crucial que você mantenha um controle preciso de sua renda e custos.

# Dica nº2 - Revise seus custos

Acompanhe todas as suas despesas. Isso pode aumentar rapidamente, mas analisá-los permite que você ajuste o destino do seu dinheiro.

# Dica nº3 - Faça projeções financeiras

 Ter projeções financeiras claras é importante. Seu principal plano de negócios o ajudará a antecipar e abordar possíveis obstáculos futuros. 

# Dica nº4 – Negociar com fornecedores antes de confirmar um contrato

Negociar com os fornecedores antes de assinar um contrato e pedir uma boa barganha.

Os negociadores bem-sucedidos sabem o que querem alcançar durante a negociação antes mesmo de começar a negociar. Examine os termos de compra como: multas por atraso de pagamento e períodos de carência. Às vezes, receber 30 dias extras para pagar pode economizar mais de 5% de desconto.

# Dica nº5 – Importante projetar um fundo de emergência

Depois de entender a importância de negociar os preços dos fornecedores para gerenciar as finanças de sua empresa, a próxima coisa que você precisa fazer é criar um fundo de emergência para o sucesso de sua entidade de negócios. 

# Dica nº6 – Finanças pessoais e empresariais separadas

SEMPRE mantenha suas FINANÇAS PESSOAIS E COMERCIAIS SEPARADAS. Contas bancárias pessoais e empresariais devem ser mantidas separadas.Obtenha um cartão de crédito comercial e coloque todas as despesas relacionadas a ele. Isso deve ajudar a rastrear seus gastos e mantê-lo no controle.

Você também poderá abrir uma conta poupança dedicada ao seu negócio, em que você pode transferir uma certa quantia de dinheiro de cada pagamento que você recebe e, gradualmente, construir um corpus considerável. Você pode usar esse dinheiro para pagar impostos.

# Dica 7 – Despesas

Nos estágios iniciais de iniciar um negócio, é inteligente manter suas despesas fixas o mais baixo possível. As despesas são tudo o que impedem sua receita bruta de ir direto para o seu cofrinho.

Planejar com antecedência um ano para grandes despesas, como aluguel, folha de pagamento, impostos, juros, materiais de custo, de bens e produtos, dívidas, serviços públicos e outras despesas operacionais pode ajudá-lo a reduzir o encargo financeiro. Eles também o ajudarão a garantir que sua posição de fluxo de caixa permaneça forte mesmo nos meses mais apertados.

# Dica 8 – Comece a considerar um seguro

Como um empreendedor, o seguro é uma das coisas que você odeia pagar pela sua entidade de negócios, mas no final, você pode realmente precisar dele. Para criar um portfólio lucrativo e gerenciar as finanças de pequenas empresas, é necessário que você gaste algum tempo pesquisando sobre o que é certo para sua empresa e suas necessidades pessoais.

O seguro oferece a segurança financeira necessária para seus dependentes, que podem ser seus filhos ou pais idosos. Com o tempo, você também deve aumentar o seguro para cobrir todos os seus dependentes.

# Dica 9 – Redução da Dívida

Outra dica de gerenciamento de finanças é tornar a redução da dívida uma prioridade. As dívidas incobráveis ​​podem causar estresse e prejudicar seu rating de crédito e podem fazer com que você tenha dificuldades para efetuar pagamentos. Assim, os empresários não devem carregar essas dívidas incobráveis ​​em suas finanças ano após ano. Em vez disso, deve ser anulado no ano seguinte para que uma posição financeira saudável possa ser retratada para as partes interessadas em potencial.

# Dica 10 – Evite crédito caro

A fim de construir um portfólio de sucesso que beneficie você agora e depois, a principal dica para gerenciar as finanças das pequenas empresas é estabelecer metas financeiras. Se você tem um negócio estabelecido no mercado competitivo ou está transformando uma ideia em uma startup, o uso otimizado de fundos é a chave para o sucesso.

No período de crescimento do negócio, o custo do crédito desempenha um papel crítico. Configure o seu núcleo de interesse a um preço mínimo, reduza os custos e alcance a lucratividade mais cedo.

# Dica 11 – Moderação

Mesmo que você pague a si mesmo, não seja sugado pelos benefícios da propriedade da empresa, mesmo se puder pagar por ela. Defina seu salário o mais baixo possível e ofereça apenas benefícios obrigatórios do governo. O que você economiza agora lhe dará mais flexibilidade nos próximos meses magros.

# Dica 12 – Acompanhe os seus movimentos de dinheiro

Não importa qual o tamanho da sua empresa, você deve ter suas condições de pagamento descritas de forma concisa e eficiente para gerenciar as finanças. Você precisa levar em conta o lado financeiro e legal de suas transações monetárias e rastrear todos os movimentos do seu capital regularmente. Manter o controle de como a sua empresa está se saindo ajudará você a descobrir quais áreas funcionam com mais eficiência e em qual setor você precisa controlar seus fundos.É importante também estudar esses dados para desenvolver um orçamento razoável e acompanhar seu progresso.

 

 

 

 

 

 

Fontes: Medium.com/finder.com

 

 

Enviando Comentário Fechar :/
Desenvolvido por: Fokus - Mídias Digitais
Voltar ao topo