Minha Matricula
Você adicionou , o que deseja fazer agora?
Voltar! Fechar Compra!

O meu chefe não é um bom líder!

O meu chefe não é um bom líder!

As 20 Soft skills para uma gestão de topo!

Desenvolvimento pessoal e Autossuperação


Ao longo do nosso percurso, verificamos a necessidade que os nossos clientes têm em melhorar as competências dos gestores das suas empresas.  
 
Por mais que tenham altas competência de gestão, se não for um bom líder, não conseguirá levar a sua equipe ao objetivo desejado. Daí ser necessário manterem-se treinados e informados das novidades que o mundo empresarial nos oferece. 
 
Deste modo, compartilhamos com você uma série dividida em 4 partes, divulgada semanalmente, com Soft Skills para uma gestão de TOPO.  
 
Tudo isso irá contribuir para um melhor desempenho da sua gestão. 
 
Vamos então para a primeira soft skill: Desenvolvimento pessoal e autossuperação 


1.Promova o potencial criativo da sua equipe

Para inspirar uma equipe, os gestores precisam de cultivar a sua própria criatividade.  
Ao permitir que os colaboradores apresentem as suas ideias e criatividade, irão construir equipes mais produtivas, dedicadas e motivadas. Assim as empresas se tornarão mais dinâmicas e competitivas no seu mercado e mais atraentes para futuros talentos.

O meu chefe não é um bom líder!

 

2. Comunique com impacto e eficácia 

Antecipar problemas de comunicação enquanto criamos um ambiente de trabalho agradável é uma tarefa difícil. A chave para o desempenho individual ou coletivo numa empresa está no desenvolvimento de skills interpessoais, na comunicação interna e na transmissão de informação de forma clara. Tudo isso permitirá gerir todas as situações possíveis, mesmo as mais complicadas.  

No mundo digital em que vivemos, a forma como a empresa comunica com os seus colaboradores, clientes e stakeholders é extremamente importante.  
Se essa comunicação não for a mais correta, pode gerar conflitos na organização. 

O meu chefe não é um bom líder!

 

3. Promova o intraempreendedorismo

E se o intraempreendedorismo pudesse enfrentar os desafios do amanhã? 

Dar aos seus colaboradores a possibilidade de executar projetos de forma independente não só aumenta a inovação, mas também cria o reconhecimento dos mesmos e impulsiona a motivação de toda a empresa.  
 
A própria imagem da marca iria ganhar outro tipo de reconhecimento. 

O meu chefe não é um bom líder!

 
 4. Utilize o método design thinking 

Inicialmente utilizado por designers, o design thinking oferece agilidade e já provou o seu valor nas empresas principais CAC 40*. Este método acelera a solução dos problemas e promove a colaboração e agilidade dentro das equipes, quebrando assim processos isolados.  
Este método abre portas para empresas mais inovadores e dispostas a encontrar soluções criativas e originais para questões complexas.

O meu chefe não é um bom líder!

 

5. Gestão eficaz do tempo

Para uma eficiência e produtividade da empresa, a gestão do tempo é essencial para os gerentes e seus times. A ideia é aprender como priorizar tarefas, diferenciar entre urgentes e importantes e manter o equilíbrio entre a vida profissional e pessoal.  

O objetivo da empresa passa por reduzir o stress no trabalho para que os colaboradores tornem-se mais eficientes e comprometidos com as suas tarefas. 

O meu chefe não é um bom líder!

 
6. Faça da eficiência uma prática diária 

A tecnologia digital virou os métodos de trabalho pelo avesso: gestão do tempo e organização também devem ser renovadas. Os gestores medem e definem a organização das equipes, a distribuição de tarefas e a eficiência dos colaboradores. Como tal, desempenham um papel fundamental no crescimento do colaborador e no compromisso da produtividade. 

O meu chefe não é um bom líder!
 
Acha que já ficou esclarecido?

Ainda temos 3 outros tópicos para abordar! Então fique atento à parte 2 desta série onde falaremos sobre a importância do coaching e trabalho em equipe.

  
Enquanto isso, procure desenvolver e melhorar as suas competências!  

Vemo-nos na próxima terça feira :)

 

*CAC 40, cujo nome deriva da expressão Cotation Assistée en Continu, é um índice bolsista que reúne as 40 maiores empresas cotadas em França. 


Fonte: Crossknowledge 

  • Compartilhe em sua rede social:
Enviando Comentário Fechar :/
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
1